“Violência no namoro: a face menos visível da violência de género na intimidade”

“A violência no namoro tem vindo a ser definida como a prática de comportamentos físicos, psicológicos e/ou sexuais abusivos no âmbito de relacionamentos íntimos juvenis heterossexuais ou homossexuais/lésbicos. Varia em termos de frequência, de intensidade e de gravidade e pode ocasionar a morte da vítima”.

Artigo de opinião no Jornal Público.

Deixe uma resposta